sábado, 2 de março de 2013

Recipe Book: Hoddeok, as famosas panquecas doces coreanas

     No início deste ano, decidi estudar uma língua estrangeira, a fim de vivenciar a aquisição e desenvolvimento da linguagem escrita em outro idioma.

     Ok. Depois de pensar, optei por um idioma que não tivesse similaridade ao português, tanto no que se refere à grafia como à organização: o coreano. Isso torna a aprendizagem e a experiência muito mais  desafiadora!

     Mas, o que é que os hoddeok tem a ver com isso? É que, conforme se vai estudando, é inevitável ir conhecendo e buscando vários aspectos relacionados à cultura da língua em questão. Não tardou para aparecerem, como exemplos de vocabulário e casos de ortografia, alguns pratos culinários coreanos famosíssimos. Um que me chamou muito a atenção ~ porque sou uma formiga e, né, são panquecas doces, blablablá ~, é este lindo aí:



     Deixa eu adiantar que essa foi uma das comidinhas mais gostosas que já preparei. Estava com muitas expectativas sobre o sabor, e todas foram superadas, porque é muuuuito bom!

     Pesquisei pela Internet uma receita e encontrei um site maravilhoso para quem gosta ou quer se aventurar pela cozinha oriental: Maangachi. Tem muita coisa boa por lá e pretendo tentar vários pratos! Especificamente para o hoddeok, você encontra a receita original neste post, que conta com um videozinho, para facilitar a nossa vida! o/

Receita traduzida e algumas considerações pessoais...

Hoddeok (호떡) ~ Panquecas doces com açúcar mascavo 

❀ Ingredientes:
1 xícara de água morna
2 colheres de chá de fermento biológico
2 colheres de sopa de açúcar
1/2 colher chá de sal
1 colher de sopa de óleo vegetal
2 xícaras de farinha de trigo
1/2 xícara de açúcar mascavo
2 colheres de sopa de nozes picadas
1 colher de chá de canela

❀ Modo de preparo:

Massa:
Coloque 1 xícara de água morna em uma tigela.  Adicione o açúcar, o fermento, o sal e o óleo vegetal e mexa bem. Acrescente a farinha de trigo e misture com uma colher ou com a mão.
Deixe a massa crescer. Ela deve ficar tampada, à temperatura ambiente, durante 1 hora.
Depois de 1 hora, a massa vai crescer para o dobro do seu tamanho. Sove-a para remover as bolhas da massa. Deixe crescer por mais 10-20 minutos.

Recheio (para 8 hoddeok):
Misture o açúcar mascavo, a canela e as nozes picadas em uma tigela. Dica: você pode usar queijo mussarela para o recheio. Invente seus próprios recheios com seus ingredientes favoritos!

Vamos fazer hoddeok!


❀ Amasse a massa novamente para remover as bolhas. Espalhe cerca de 1/2 xícara de farinha na tábua para cortar a massa. Coloque a massa sobre ela e amasse. Divida-a em 8 partes iguais.


Pegue uma das partes, acháte-a e coloque o recheio no meio, fechando-a em forma de bolinha. Repita este procedimento 8 vezes para fazer 8 bolas. Dica: use um pouco de farinha na tábua de corte para evitar que os dedos grudem na massa

Aqueça sua panela antiaderente em fogo médio e adicione um pouco de óleo vegetal. Coloque uma bola na panela e deixe cozinhar por 30 segundos. Quando o fundo da bola de massa dourar, vire-o e pressione a massa com uma espátula para fazer um círculo fino e largo (aproximadamente do tamanho de um CD). Deixe cozinhar cerca de 1 minuto até que o fundo esteja dourado. Vire-o novamente e abaixe bastante o fogo. Coloque a tampa na panela e deixe cozinhar mais um minuto. O açúcar mascavo enchimento do recheio irá derreter e formar uma calda!





     Quando tentei preparar a massa do hoddeok pela primeira vez, eu cometi um erro super básico: a temperatura da água para o fermento. O resultado? Matei a levedura ~ assassina! ~ e a massa não cresceu nada. Fiquei super desapontada. Ainda consegui, olha só, enquanto fazia aquele mimimi, deixar o pote plástico em que ela estava cair no chão, quebrando-o e, por pouco, não deu lambança na cozinha! xD

     Na outra vez que preparei ~ e, aí sim, deu certo! o/ ~ fiz algumas modificações básicas: além de prestar atenção à temperatura da água, coloquei a mistura de fermento, açúcar, farinha e sal (reduzido pela metade) para crescer ao sol. Achei que a massa, ainda assim, ficou um tantinho mole demais, e caprichei na hora de cortá-la, colocando bastante farinha sobre o local em que a abri.

     Tirando essa partezinha de preparar os hoddeok para assar, porque, para rechear, ficou complicado, uma vez que a massa abria ou colava na mão, 'fritá-los' na frigideira é facílimo. O cheiro que sobe quando a colocamos no prato para esfriar ~ o açúcar acumula muita caloria, portanto, cuidado para não queimar sua boca! ~ é de morrer. Para melhorar, ainda salpiquei canela por cima, e acho que todos os narizes da rua se voltaram para minha casa! xD Ah, também substituí as nozes por castanhas do Pará!

     Pretendo postar mais receitas em breve! 
     Então... Até lá! ;)

6 comentários:

  1. É uma das coisas mais deliciosas que já comi!! <3

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada!! Procuro essa receita há anos! :D

    ResponderExcluir
  3. De nada! ^^ Boa sorte com os hoddeok!

    ResponderExcluir
  4. Hoddeok devem ser servidos quentes/frios ou a temperatura ambiente ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em qualquer temperatura, Maiza! Ficam gostosos de qualquer jeito!

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...